quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Quinta-feira, 12 de novembro de 1942

Deixe um comentário
Querida Kitty

Dussel ficou muito contente quando Miep lhe disse que havia arranjado um esconderijo para ele. Ela insistiu em que ele viesse o mais cedo possível, de preferência no sábado. Ele disse que talvez fosse improvável que viesse no sábado, pois antes precisava pôr em dia seu fichário, atender alguns clientes e pagar as contas. Miep contou-nos isso hoje de manhã, e achamos imprudente da parte dele adiar a vinda. Todos esses preparativos vão exigir explicações a muita gente que seria melhor conservar afastada. Miep vai falar com ele novamente, para tentar convencê-lo a vir sábado.

Dussel disse que não. Vem mesmo na segunda-feira. Acho uma idiotice ele não agarrar esta oportunidade com a maior rapidez. Se for apanhado lá fora, por acaso vai ter tempo de pôr fichários em dia, pagar contas ou atender clientes? Para que esperar? Papai não devia ter cedido. Por hoje, mais nada de novo.

Sua Anne.

0 comentários:

Postar um comentário